Gaeco deflagra Operação Linha Marcada em Bela Vista e Caracol | TNG Informa - Informação com responsabilidade!
Pausa para o descanso!

O TNG Informa comunica a todos que estará em recesso no período de 12/12/2017 a 15/01/2018. Em virtude disso, desejamos a todos um Feliz Natal e um 2018 repleto de realizações.
Ok! Entendi ›
© TNG Informa Comunicação. Informaç&aatilde;o com responsabilidade! Todos os Direitos Reservados
Operação Linha Marcada
Gaeco deflagra Operação Linha Marcada em Bela Vista e Caracol
A Operação Linha Marcada investiga crimes de corrupção, fraude à licitação, organização criminosa e peculato.
11 de Abril de 2018 às 11:15:20 Thaffarel Nunez Gonçalves/TNG Informa 863 Facebook Google+ Twitter WhatsApp
180411-gaeco.jpeg
Foto: Marcio Cabreira/Jatobá News e Assessoria do MPMS

O Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado), deflagrou na manhã desta quarta-feira (11) em Bela Vista e Caracol, a Operação Linha Marcada.

 

De acordo com informações, foram cumpridos oito mandados de prisão temporária e 19 de busca e apreensão em Bela Vista e Caracol, incluindo os domicílios dos investigados, a Prefeitura de Bela Vista, bem como as respectivas Secretarias de Educação e Saúde.

 

Segundo a assessoria de imprensa do Ministério Público, foram presos temporariamente, servidores públicos, Secretários da Prefeitura de Bela Vista e também empresários do Município de Caracol, investigados por integrar associação criminosa atuante na fraude à licitações e contratos com a Prefeitura de Bela Vista, cujo objeto consiste, essencialmente, em prestação de serviço público de transporte, que já teria rendido aos envolvidos, aproximadamente R$ 1 milhão, provenientes dos cofres públicos.

 

Conforme informações, foram presos: Angela Venturini (Secretária de Saúde); Jane Mary (Secretária de Educação); Valdinei Cristaldo (Chefe do Transporte Escolar); Gilmar Figueiredo (Motorista particular do prefeito); Luis Roberto Cunha Viana (Pregoeiro); Edson Ferreira (Técnico em Contabilidade); Cleriston Barbosa (Empresa de Transportes); e Josemar Arguelho (Empresa de Transportes).

 

Os mandados judiciais foram expedidos pelo Juiz da Comarca de Bela Vista e a investigação conduzida pelo Promotor de Justiça William Marra Silva Júnior, titular da Promotoria de Justiça de Bela Vista, e pelo GAECO.

 

Operação

 

A Operação Linha Marcada foi deflagrada pelo Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado), pela Promotoria de Justiça de Bela Vista e com o apoio dos policiais do Departamento de Operações de Fronteira (DOF) e investiga crimes de corrupção, fraude à licitação, organização criminosa e peculato. 

 

Com informações da Assessoria do MPMS

 

*Matéria atualizada às 12h14 para acréscimo de informações.